13 junho 2010

#

I live with my frenzied feeding
I live with my hatred
I live with my jealousy
I live with the notion
That I don't need anyone but me
Don't drink the water
There's blood in the water
(dave matthews band - don't drink the water)


era tudo muito bagunçado.
e enquanto ela olhava estrelas mortas brilhando
pensava: será que algum dia haveria de estar lá também?

não que isso fosse necessário,
mas era inevitável não pensar.
 
um dia todos devem morrer. amém.
 
 
(visitei meu antigo bairro ontem, e passando rápido pelo supermercado meu pai descobriu que nossa vizinha na época que morávamos lá havia morrido subtamente de parada cardíaca. o neto dela avisou.)

Um comentário:

gabriela m. disse...

todos devem morrer um dia para virarem estrelas mortas, buracos negros.